Um olhar sobre o que é notícia em toda parte
Uma janela para Montes Claros
(38) 3229-9800
 
Conheça-nos
Principal
Mural
Eu te procuro
Clamor & Broncas
Músicas de M. Claros
Hoje na história
 de M. Claros
Montes Claros
 era assim...
História
Chuvas em M. Claros,
  mês a mês,
 de 1905 a 2012
Memorial de
 João Chaves
Memorial de
 Fialho Pacheco
Reportagens
Concursos
Colunistas Convidados
Notícias por e-mail
Notícias no seu site
Fale conosco
 
Anuncie na 98 FM
Ouça e veja a 98 FM
Conheça a 98 FM
Peça sua música
Fale com a Rádio
Seja repórter da 98
Previsão do tempo
 
Anuncie na 93 FM
Ouça a 93 FM
Peça sua música
Fale com a Rádio
Seja repórter da 93
Publicidade
 
Alberto Sena
Augusto Vieira
Avay Miranda
Carmen Netto
Dário Cotrim
Dário Teixeira Cotrim
Davidson Caldeira
Edes Barbosa
Efemérides - Nelson Vianna
Enoque Alves
Flavio Pinto
Genival Tourinho
Gustavo Mameluque
Haroldo Lívio
Haroldo Santos
Haroldo Tourinho Filho
Hoje em Dia
Iara Tribuzzi
Isaías
Isaias Caldeira
Ivana Rebello
João Carlos Sobreira
Jorge Silveira
José Ponciano Neto
José Prates
Luiz Cunha Ortiga
Luiz de Paula
Manoel Hygino
Manoel Hygino
Marcelo Eduardo Freitas
Marden Carvalho
Maria Luiza Silveira Teles
Maria Ribeiro Pires
Mário Genival Tourinho
Oswaldo Antunes
Paulo Braga
Paulo Narciso
Petronio Braz
Raphael Reys
Raquel Chaves
Roberto Elísio
Ruth Tupinambá
Saulo
Ucho Ribeiro
Virginia de Paula
Waldyr Senna
Walter Abreu
Wanderlino Arruda
Web - Chorografia
Web Outros
Yvonne Silveira
 
Atuais
Panorâmicas
Antigas
Pinturas
Catopês
Obtidas por satélite
No Tempo de Lazinho
Estrada Real Sertão
Mapa de M. Claros
 

10/9/2014 -"...teve até o desfile de um mendigo novo, supostamente drogado, que andou pelo centro, o quarteirão fechado da rua Simeão Ribeiro, completamente nu, exibindo-se". A crescente degradação da Praça da Matriz e vizinhança pede:

»1 - Policiamento mais rigoroso
»2 - Redefinição do uso da praça que é o marco zero da cidade
»3 - Outra reforma física
»4 - Maior empenho das autoridades no cumprimento das leis
»5 - Uma recuperação em todos os sentidos

» Ver resultados «




Buscar no Site


Previsão do tempo

Digite uma cidade:

Busca no



 
 


           Edes Barbosa    des_b@hotmail.com

81858
Por Edes Barbosa - 29/9/2016 07:47:58
MEU VELHO CHICO

Conheço o Rio São Francisco desde a minha adolescência; lembro-me quando cheguei pela primeira vez à sua margem direita, exatamente oposta à foz do Rio Pandeiros. Era no final de uma tarde morna sob um deslumbrante pôr-do-sol colorindo o céu e toda a superfície das águas. Eu, meu pai e um irmão, pretendíamos realizar nossa primeira pesca esportiva distante do já cansado pequeno Rio Verde. Seria nossa grande aventura. Ficamos parados e perplexos diante daquele majestoso cenário. O nosso barco de alumínio com motor de popa, antes supostamente grande, tornou-se minúsculo diante daquele doce mar. As lendas de “caboclos d’água” nos afloraram à pele. Sentimos medo de encarar o rio. Decidimos acampar ali mesmo. Enquanto isto, um velho ribeirinho aproximou-se da sua canoa, retirou do bornal uma garrafa de cachaça, encheu uma pequena cuia, esborrifou algumas gotas à direita, depois à esquerda e ingeriu o restante. Tomou o remo e deu início a travessia do rio. Com a proa derivada cerca de trinta graus à esquerda ele atravessou o rio em linha reta chegando exatamente ao ponto oposto à sua partida. Sem nenhum conhecimento de matemática, aquele matuto calculou a força vetorial da correnteza do rio. Logo depois, um jovem magro de pele escura, coletou com as mãos um pouco da água do rio, molhou a testa, bebeu o resto, fez o sinal da cruz, se atirou nas águas e atravessou a correnteza. Ainda sob o lusco fusco vi seu perfil caminhando na praia do outro lado da margem.
Pela manhã recebemos a visita de alguns barranqueiros que se aproximavam timidamente impulsionados pela curiosidade naquele novo acampamento. Depois de uma prosa aparentemente despretensiosa coletamos informações importantes sobre o Velho Chico: suas corredeiras, seus bancos de areia, seus redemoinhos e seus mistérios. Ouvimos estórias de “Mãe D’água”, ataques de sucuris e piranhas. Descobrimos porque eles “ofereciam aos santos” dois minúsculos goles de cachaça. (A expressão “oferecer ao santo” é um hábito dos adeptos da umbanda acreditando agradar aos espíritos supostamente encostados nos cantos das casas ou no mato.) Na crença dos barranqueiros havia dúvida se o nome dado ao rio se referia à São Francisco de Assis ou de Paula. Neste caso, melhor agradar aos dois santos - curioso é que, segundo a história, nenhum dos santos ingeria bebida alcoólica. Entre verdades e mentiras a melhor opção era respeitar o Velho Chico. Contratamos um guia para nos acompanhar na nossa primeira navegação. Ficamos deslumbrados e logo descobrimos todos os seus segredos, suas manhas e suas entranhas. Tornamo-nos amigos quando entendemos o seu jeito de ser; ele nos oferecia suas águas para o banho refrescante, seus peixes que nos alimentavam e os arvoredos à sua margem para o descanso e em troca, ele exige apenas respeito.
Durante décadas convivi com esse imenso rio e no decorrer de todo esse tempo assisti à sua degradação causada pelos homens, ditos civilizados, das grandes cidades. Enquanto via aquele belo cenário se transformando e como cinéfilo apaixonado pela natureza, criei um roteiro para produção do meu primeiro filme de curta metragem que recebeu o título “Apenas o Crepúsculo” inteiramente rodado na superfície das suas águas. Mesmo como simples amador providenciei todos os meios de segurança para o elenco e toda equipe de filmagem. Antes de cada cena e mesmo nos momentos de lazer eram avisados dos riscos que nos rondavam. Adverti a todos que o Velho Chico é como um ente vivo; é como uma serpente ferida pelos homens que se dizem civilizados. Acima de tudo ele é vingativo; ele devora seus inimigos, até mesmo aqueles que se acham poderosos. Felizmente todas as cenas foram realizadas sem o menor incidente, talvez porque, além do respeito ao Chico produzíamos uma denúncia da sua destruição infelizmente não compreendida ou certamente não alcançada pela mídia.
Hoje, assistimos ao vivo e em cores à sua morte tal como alertamos. Às vezes retorno às suas margens, não mais para pescar, pois seus peixes foram extintos pela pesca predatória; não mais para nadar, pois suas águas foram contaminadas pelos dejetos dos grandes centros urbanos; não mais para descansar, pois seus arvoredos foram destruídos. Retorno para relembrar os bons tempos através de um diálogo que nem todos conseguem ouvir. Penso que encarno o personagem Zé Orocó, do romance “Rosinha, Minha Canoa” de José Mauro de Vasconcelos. Parece incrível, mas ouço a voz do Meu Velho Chico surgindo dos burburinhos nas pequenas corredeiras no silêncio da noite. Ele pede socorro e avisa: “Se eu morrer, muitos morrerão comigo”.
Edes. 25/09/2016.


81097
Por Edes Barbosa - 15/1/2016 10:17:10
Breve história da captação de TV em Montes Claros

A história da captação de TV em Montes Claros teve início na aurora dos anos 60; mais precisamente em 1961 surgiram rumores de que um bancário, transferido para a nossa cidade, havia captado imagens de televisão no planalto do Pentáurea
Esse fanático por imagens de TV contaminou outros curiosos que se deslocavam pela estrada poeirenta até o topo da colina naquela região. Os sinais captados, frágeis e fugidios, eram da TV Itacolomi, canal 04 de Belo Horizonte, filiada da Tupi que misteriosamente chegavam naquele local.
O entusiasmo e a possibilidade de retransmitir este canal de TV para a cidade através de uma repetidora, cresceram entre os telemaníacos. Um grupo de pessoas formado por empresários da cidade, entre eles Herculino Miranda da Radioluz, Valdeir Correa, Edson Santos da Mobiliadora Maresir, Antônio Cassimiro, João Simões e outros, liderados pelo Sr. Toninho Rebelo, decidiu fundar um consórcio destinado a captar recursos para montagem de uma torre para retransmissão dos sinais de televisão. Adquiriram 200 televisores das marcas Advance e General Eletric que foram vendidos para a população. Com o lucro, foi construída uma torre de 40 metros de altura e adquirido um retransmissor a válvula de 75 watts, canal 09, projetado, construído e instalado pelo italiano Sr. Albano Grassi técnico da tele-emissora dos Diários Associados.
Às 16 horas do dia 11 de setembro de 1964 os primeiros sinais da TV Itacolomi foram retransmitidos para a população montesclarense. A qualidade não foi tão boa como se esperava, simplesmente pior do que a captação em Pentáurea, entretanto o otimismo superava a decepção. O famoso “fading”, fuga dos sinais de áudio e vídeo era um tormento para os telemaníacos. O investimento foi considerado um fracasso. Durante quatro anos conviveram com essa precariedade. Em 1968 surgiu a notícia que as antenas da Itacolomi seriam transferidas do edifício Acaiaca em BH para a Serra do Curral. A esperança de melhora foi decepcionante: os sinais desapareceram do Pentáurea; um fenômeno que os técnicos nunca souberam explicar.
O crepúsculo da década 60 se aproximava cercado pelo clamor da população ansiosa para assistir à Copa 70 no México. O mandato do prefeito Toninho Rebello estava no seu penúltimo ano. A prefeitura, patrocinadora dos serviços de captação de TV, precisava encontrar uma solução imediata. O executivo municipal nomeou um grupo de pessoas denominado Comissão Pro TV, a qual foi incumbida de pesquisar e apresentar um novo projeto para captação de TV. Chegaram a conclusão de que deveriam construir um link (três repetidoras na rota BH/MOC). A empresa escolhida se identificava com o nome de STEEL representada pelos ditos japoneses Kunirriro e Cassawara. No início de 1970 teve inicio a construção da nova rota em UHF que partia do Pico do Itambé no município de Serro, passando pelo Serra do Bota em Juramento e finalmente, a terceira torre, no alto do bairro Morrinhos. As novas instalações foram concluídas na véspera da Copa, de forma precária, artesanal e improvisada. Os sinais captados da TV Vila Rica chegaram em UHF na cidade. O retransmissor foi instalado na sacristia da igrejinha do “Morrinhos”. Houve uma correria para comprar conversores, pois ninguém foi avisado da nova modalidade de transmissão.
As imagens, ainda em preto e branco, revelando uma discreta fragilidade, não eram satisfatórias, entretanto, eram melhores que o antigo canal e foram suficientes apenas para o montesclarense assistir à Copa. Tão logo a seleção brasileira se consagrou campeã no México os sinais desapareceram juntamente com os “japoneses”. O ano de 1970 terminou, e com ele, a administração Toninho Rebello.Em 1971 o novo prefeito Pedro Santos assumiu a prefeitura e a árdua missão de solucionar a captação de TV na cidade. Para isso, nomeou seu filho Tone Santos; calmo, criterioso, amigo de todos, procurou se inteirar de todos os eventos anteriores que culminaram em fracassos. Solicitou a mim e ao meu colega Osmar, acompanhar o Kunirriro numa visita às repetidoras do link UHF. O relatório foi desanimador: dificuldades de acesso, energia elétrica precária, equipamentos artesanais (tipo fundo de quintal), torres e antenas enferrujadas, sinais captados com todo tipo de interferências, etc. Enfim, o Pico do Itambé era uma ilha cercada por um oceano de problemas. Mesmo assim, o Sr. Tone se esforçou para reconstruir o link. Depois de seis meses de vãs tentativas, nosso paciente amigo concluiu que era impossível manter essa rota; se convenceu de que deveria construir um novo link. Depois de uma criteriosa pesquisa, escolheu a empresa Lys Electronic do Rio de Janeiro que enviou o técnico boliviano Antônio Sollis Gamarra. Ficou decidida a nova rota que passaria pelo vale entre a Serra do Espinhaço e do Cabral, exatamente paralela a Estrada de Ferro e a BR 135. A prefeitura de Montes Claros adquiriu torres e equipamentos novos. O canal escolhido foi a recém-nascida TV Globo de BH. Teve início a nova tentativa a qual a imprensa local denominou: “3°. Capítulo da Novela TV”. Tinha tudo para dar certo; entretanto o Sr. Sollis cometeu um grave erro ao locar a primeira repetidora onde jamais fecharia o enlace com a segunda torre. Graças a nossa experiência e com base nos erros anteriores, definimos a nova rota partindo da Serra do Espinhaço no município de Gouveia, passando por Buenópolis na Serra do Cabral até Morro da Somai. Assim, com a ajuda dos meus companheiros, consegui, no dia 19 de novembro de 1971, entregar à Montes Claros o primeiro e definitivo canal de TV.
A TV Globo de Belo Horizonte, com imagens consideradas de boa qualidade, passou a fazer parte da vida diária dos montesclarense; mudou hábitos e costumes, acabou com as filas nas bilheterias dos cinemas, passou a ser assunto nas reuniões sociais. A Globo se consagrava pelas produções das novelas; Minha Doce Namorada, Selva de Pedras, O Bem Amado, Gabriela e outras tantas produções memoráveis como; A Grande Família, Jornal Nacional e o Fantástico. O sistema de retransmissão era mantido por grupos geradores de energia elétrica (motor diesel de um cilindro e gerador de 3,5KVA). O combustível para os motores e alimentação para os operários das repetidoras eram muitas vezes, transportados no lombo de animais até o topo das serras. As dificuldades de manutenção eram penosas, pior ainda, quando ocorriam interrupções inesperadas. O período de 1973 a 1976, sob a administração dos prefeitos Moacir Lopes e Ivani Pereira foi o mais difícil para manter a TV no ar. Apesar da precariedade, já naquela época, alguns televisores equipados com antenas de alto ganho conseguiam captar imagem em cores esporadicamente. A população ficava indignada com as interrupções, a imprensa criticava, o programa na única rádio local, “Boca no Trombone” do Luiz Tadeu, como diziam: __ “descia o pau” .
Em 1977, Toninho Rebello, conhecido como um dos pioneiros na luta pela captação de TV em nossa região, ao reassumir o cargo de prefeito agendou com prioridade uma visita às torres repetidoras. Ficou empolgado com a nova localização das repetidoras e providenciou melhorias imediatas do link. Graças a substituição dos equipamentos à válvula em VHF por sistemas transistorizados em UHF, nossa cidade foi a primeira do interior de Minas a receber imagens a cores via quatro repetidoras, definitivamente com boa qualidade. Com toda melhoria era impossível evitar interrupções inesperadas: o grupo gerador de energia parava de repente, um temporal qualquer interrompia as transmissões, as estradas de acesso ao topo das serras eram precárias. A imprensa criticava sem conhecer as dificuldades que os técnicos enfrentavam para manter os sinais no ar.
No início dos anos 80 nascia a primeira geradora de TV, a Intervisão, iniciativa de um grupo de empresários montesclarense liderado pelo jornalista Elias Siuff. A nova estação de TV utilizava a programação da Bandeirantes, não interferindo, portanto, na grande audiência da Globo. Entretanto, com o surgimento dessa empresa, surgia um novo capítulo na história da nossa televisão. Nessa mesma época, os sinais de TV do primeiro satélite brasileiro eram captados pelas primeiras antenas parabólicas utilizadas para uso doméstico. Novos canais via satélite foram implantados pelas prefeituras. As retransmissões via terrestre se tornavam ultrapassadas. Mesmo assim, o link pioneiro permaneceu 18 anos no ar sendo desativado em 1989 pelo prefeito Mário Ribeiro.

Edes Barbosa. Em 12 de janeiro de 2016.




Selecione o Cronista abaixo:
Alberto Sena
Augusto Vieira
Avay Miranda
Carmen Netto
Dário Cotrim
Dário Teixeira Cotrim
Davidson Caldeira
Edes Barbosa
Efemérides - Nelson Vianna
Enoque Alves
Flavio Pinto
Genival Tourinho
Gustavo Mameluque
Haroldo Lívio
Haroldo Santos
Haroldo Tourinho Filho
Hoje em Dia
Iara Tribuzzi
Isaías
Isaias Caldeira
Ivana Rebello
João Carlos Sobreira
Jorge Silveira
José Ponciano Neto
José Prates
Luiz Cunha Ortiga
Luiz de Paula
Manoel Hygino
Manoel Hygino
Marcelo Eduardo Freitas
Marden Carvalho
Maria Luiza Silveira Teles
Maria Ribeiro Pires
Mário Genival Tourinho
Oswaldo Antunes
Paulo Braga
Paulo Narciso
Petronio Braz
Raphael Reys
Raquel Chaves
Roberto Elísio
Ruth Tupinambá
Saulo
Ucho Ribeiro
Virginia de Paula
Waldyr Senna
Walter Abreu
Wanderlino Arruda
Web - Chorografia
Web Outros
Yvonne Silveira
 



Voltar à Página Inicial

 






Um olhar de Montes Claros sobre o que é notícia em toda parte
Uma janela para Montes Claros


Clique e acesse nosso Twitter
Siga o montesclaros.com


Últimas Notícias

18/11/17 - 11h
Em mensagem, Papa manifesta “fervente oração” por marinheiros sumidos e pede ao “Senhor” “serenidade” e “esperança”

18/11/17 - 10h
Justiça do Rio Grande do Norte autoriza família de idosa a plantar maconha em casa

18/11/17 - 9h
TSE pede que o horário de verão - com seus 4 fusos - seja mudado em 2018 por causa das eleições

18/11/17 - 8h
Infecção dentária evolui para septicemia e mata, aos 40 anos, ex-vocalista da banda Dominó

18/11/17 - 7h41
"É o que leio e me assusta, embora mais tangidos pelo medo sejam os habitantes dali. Mal redigira o texto acima, fico sabendo que também há ameaça de..."

18/11/17 - 7h31
Carregador de celular: "O meu carregador, por exemplo, fornece 1 Ampere, 5 volts na saída, sendo que 17 miliamperes podem matar uma pessoa (17 milésimos do Ampere), por isto são necessários os cuidados acima"

18/11/17 - 7h
Mais de 1,5 milhão de pessoas farão o Encceja neste domingo em todo o Brasil


17/11/17 - 18h
Atlético cai duas posições na tabela do Brasileirão e precisa de 100% para garantir vaga na Libertadores

17/11/17 - 17h38
Assembleia do Rio vota e por 39 votos a 19 manda libertar seu presidente (pai de ministro) e 2 outros deputados. Ministro do Supremo revela "perplexidade"

17/11/17 - 17h
Contracheque da 2ª parcela do 13º do INSS começa a ser liberado pela internet, telefone e caixa eletrônico

17/11/17 - 16h
Calendário de 2018 prevê 10 feriados prolongados

17/11/17 - 15h
Arrascaeta retorna e é opção para o Cruzeiro contra o Vitória, domingo, pelo Brasileirão

17/11/17 - 14h
5 de fevereiro a 14 de dezembro - é o calendário 2018 da rede estadual de ensino

17/11/17 - 13h
Pesquisa aponta falta de trabalho para 26,8 milhões de pessoas no Brasil no 3º trimestre

17/11/17 - 12h
Ontem, a meteorologia via 3 dias de sol em M.Claros. Hoje, admite chuva à tarde, nuvens sábado e alguma chuva domingo

17/11/17 - 11h
Manchetes dos jornais: “Presidente da Assembleia do Rio e dois deputados vão para a prisão” - “Cúpula da Assembleia do Rio é levada à cadeia” - "Picciani é preso, mas pode ser solto hoje pela Alerj”

17/11/17 - 10h
Inglaterra ou Espanha pode pegar o Brasil na 1ª fase da Copa da Rússia

17/11/17 - 9h
Peru libera o consumo de maconha para fins medicinais

17/11/17 - 8h
Jovem que quiser retornar à escola tem até 25 de novembro para se inscrever

17/11/17 - 7h
Começa hoje o pagamento do 2º lote do PIS/Pasep para cotistas aposentados


16/11/17 - 18h
Caixa paga nesta sexta-feira abono do PIS para trabalhador nascido em novembro

16/11/17 - 17h47
Presidente da Assembleia do Rio tem prisão decretada e se entrega

16/11/17 - 17h
Campeonato Mineiro de 2018 começará no dia 17 de janeiro. Confira a 1ª rodada

16/11/17 - 16h
Adiado por causa do feriado, sorteio da Mega-Sena paga, hoje, 29 milhões de reais. (Ninguém ganhou com os números 05 - 10 - 39 - 42 - 46 - 54)

16/11/17 - 15h
Minas terá 11 feriados durante a semana em 2018. Cinco deles na terça ou quinta-feira

16/11/17 - 14h
Definida a divisão das seleções nos 4 potes para sorteio de grupos da Copa do Mundo

16/11/17 - 13h38
M. Claros: "...a prefeitura decidiu embargar o asfaltamento de ruas no bairro Augusta Mota, por estar sendo feito sem a devida autorização formal da prefeitura"

16/11/17 - 13h
Temporada 2017 interrompe aproveitamento acima de 70% do Atlético no Brasileirão

16/11/17 - 12h
Os assaltos. Perto do Pentáurea, com coronhada. Na Avenida João 23, armados, e na estrada para Nova Esperança

16/11/17 - 11h
Fifa pode ter prejuízo de 365 milhões de reais sem a Itália na Copa, revela jornal italiano

16/11/17 - 10h
Meteorologia refaz previsão e vê 3 dias de sol em M. Claros – hoje, sexta e sábado. Nova chance de chuva, só a partir de domingo

16/11/17 - 9h
Manchetes dos jornais: “Nova lei tira seguro de empregado intermitente” - “Deputados cassados têm aposentadoria de até R$ 23 mil” - “Maior usina solar da América Latina já opera em Minas”

16/11/17 - 8h43
"Veja isto: um motorista, da cidade baiana de Feira de Santana, foi ferido no rosto, perdeu 4 dentes e cortou a língua ao entrar dirigindo seu caminhão em M. Claros. Foi na BR 135, altura da Vila Telma, segunda-feira última. As pedras foram..."

16/11/17 - 8h
Minas registrou 27.677 casos prováveis de dengue em 2017. Outros 17 mil são de chikungunya

16/11/17 - 7h
Corinthians garante 7º título do Brasileirão com 3 rodadas de antecedência


15/11/17 - 8h07
"Muito barulho para pouca chuva - resume a sabedoria popular. Durou menos de meia-hora na área central de M. Claros, onde o acumulado foi de 5 milímetros. Em outras partes, provavelmente choveu mais. Pelos prognósticos, ..."

15/11/17 - 7h18
"A água não se pode produzir – não é um produto industrializado, e sim, um produto da natureza – é uma combinação de dois átomos de hidrogênio e um de oxigênio – a formula química mais misteriosa e famosa que Deus criou"

15/11/17 - 7h11
"Considerando a natureza logarítmica da escala Richter, o terremoto de ontem, 12/11/2017, na fronteira Irã/Iraque, de 7,3 graus, foi 1258,9 vezes mais forte do que o mais intenso já registrado em Montes Claros, em 19/5/2012, com 4,2 graus. No entanto, ..."


14/11/17 - 19h47
"Chove forte em M. Claros, cidade, neste momento. Nuvens escuras penetraram pela parte nordeste, com ventos e trovões, e a água desceu, desce, já há cerca de quinze minutos"

14/11/17 - 18h
Vitória contra Fluminense garante título do Brasileirão ao Corinthians nesta quarta-feira

14/11/17 - 17h
Jogo de hoje contra a Inglaterra será um dos testes mais difíceis da seleção na era Tite

14/11/17 - 16h53
Jornal O Tempo, de BH: "A operação é remanescente da Operação Novo Cangaço, deflagrada pela Polícia Civil de M. Claros em julho de 2015. Pelo menos 4 dos 6 suspeitos que foram presos na primeira operação, mas acabaram libertados no mês de julho deste ano, retornando então para a prática do mesmo crime"

14/11/17 - 16h
Cruzeiro deve ter retorno de Judivan no jogo desta quarta contra o Avaí

14/11/17 - 15h
Atlético tem dois jogos para superar seu recorde como visitante no Brasileirão. A 98 FM vai transmitir o jogo desta quarta contra o Vasco

14/11/17 - 14h
Brasil registra mil amputações de pênis com câncer por ano. Falta de higiene é a principal causa

14/11/17 - 13h
Manchetes dos jornais: “PSDB deixa Cidades e Temer antecipa reforma ministerial” - “Justiça ignora crise e pressiona para criar 5,5 mil cargos” - “Professor da UFMG é morto no ônibus”

14/11/17 - 12h
IBGE aponta queda no número de casamentos e aumento de divórcios

14/11/17 - 11h
“Trovoadas esparsas esta noite’’ – diz a meteorologia, quando as nuvens voltam a encobrir o céu em M. Claros

14/11/17 - 10h
Brasil entrará em campo com força máxima no amistoso de hoje contra a Inglaterra

14/11/17 - 9h02
Operação, nesta manhã, do Ministério Público, PM e Polícia Civil prende 4 pessoas em M. Claros, acusadas de explodir caixas eletrônicos

14/11/17 - 9h
Dinheiro de cotas do PIS será pago a aposentados até sexta-feira

14/11/17 - 8h
Tetracampeã Itália empata e pela 1ª vez em 60 anos está fora de uma Copa do Mundo

14/11/17 - 7h
Passa de 450 o número de mortos no terremoto na fronteira do Irã/Iraque


13/11/17 - 18h
Jogo contra a Inglaterra será o último da seleção brasileira na temporada

13/11/17 - 17h24
Professor de medicina da UFMG, de 63 anos, pacifista, é morto dentro de ônibus em BH, supostamente em assalto

13/11/17 - 17h
Com boa campanha, Cruzeiro retoma a liderança do returno do Brasileirão

13/11/17 - 16h
Marinha anuncia processo seletivo com 645 vagas e salário de 8,9 mil reais

13/11/17 - 15h
Empate com o Bahia diminui chance do Atlético se classificar para a Libertadores de 2018

13/11/17 - 14h
Mais de 48 milhões de trabalhadores devem receber o 13º até o dia 20 de dezembro

13/11/17 - 13h
Tite faz mistério e não revela seleção que começará jogando, amanhã, contra a Inglaterra

13/11/17 - 12h
Chuva de 46mm, anunciada para o fim de semana em M. Claros, ficou em 25. Há chuva na previsão, após o sol desta manhã de segunda-feira

13/11/17 - 11h14
Jornal O Tempo, de BH: "... um policial foi flagrado por um celular desferindo tapas na cara de duas mulheres que tentavam impedir a prisão de um homem"

13/11/17 - 11h05
Manchetes dos jornais: “Pauta-bomba no Congresso põe em risco ajuste fiscal” - “Vagas temporárias no fim de ano seguem aquecidas" - “Sinais da retomada chegam à arrecadação”

13/11/17 - 11h04
Nota da PM sobre acontecimentos em Salinas: "Dessa forma, deram voz de prisão aos cidadãos, os quais resistiram à ação policial, sendo necessário o uso diferenciado da força"

13/11/17 - 10h50
"O policial militar foi preso e adotadas medidas de Polícia Judiciária Militar. A arma utilizada por ele foi apreendida e encontra-se a disposição da Justiça Militar"

13/11/17 - 10h
20h de domingo, área central de M. Claros: assaltante ataca PM, com arma falsa, e recebe 2 tiros no pescoço

13/11/17 - 9h
Perda de freios - provável causa do acidente com ônibus que saiu de Itabuna e matou 7, perto de BH

13/11/17 - 8h
Segundo dia do Enem teve 32% de abstenção e 580 candidatos eliminados. Gabarito será divulgado até a próxima quinta

13/11/17 - 7h
Mortos no terremoto, de 7,3 graus, entre Iraque e Irã, já passam de 300


11/11/17 - 18h
Jogo do Galo contra o Bahia é confronto direto por vaga na Libertadores

11/11/17 - 17h
Período da piracema começa em Minas e vai até 28 de fevereiro de 2018

11/11/17 - 16h
A um mês do fim, Brasileirão entra na sua 34ª rodada com dois jogos amanhã, sete domingo e um segunda-feira

11/11/17 - 15h
Segundo e último dia do Enem reunirá questões das áreas mais difíceis

11/11/17 - 14h
Cruzeiro se concentra no ataque para render mais no Brasileirão

11/11/17 - 13h
Atlético tem 3 titulares suspensos para jogo deste domingo contra o Bahia. Fred é um deles

11/11/17 - 12h
Com feriado da Proclamação da República, deputados federais ganham 10 dias seguidos de folga

11/11/17 - 11h
3º e último sorteio da “Mega Semana da República” paga, hoje, 24 milhões de reais. (Ninguém ganhou com os números 10 - 14 - 31- 34 - 45 - 58)

11/11/17 - 10h
Chuva miúda, que vem desde a manhã de ontem, já é de 15mm. Previsão é de 20mm, hoje, e 26mm, domingo

11/11/17 - 9h
Manchetes dos jornais: "Nova lei trabalhista já é aplicada em contratos” - “Na estreia da nova lei do trabalho, deputados se dão feriadão milionário” - “Brasil entra em nova fase na legislação trabalhista”

11/11/17 - 8h
Preço da gasolina volta a subir e, pela primeira vez, passa dos 3 reais e 90 centavos



OUÇA E VEJA A 98 FM
Todos direitos pertecentes a Rádio Montes Claros 98,9 FM. O material desta página
não pode ser publicado, transmitido por broadcasting, reescrito ou distribuído
sem prévia autorização