Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 23 - terça-feira, 7 de fevereiro de 2023

Trump pede, em comentário, anulação da eleição e seu retorno à presidência. Homem mais rico do mundo citou o Brasil como caso de favorecimento do Twitter durante a eleição

Segunda 05/12/22 - 6h55

Donald Trump pediu: 1) a rescisão da Constituição para anular a eleição de 2020; 2) restabelecê-lo no poder.

O ex-presidente escreveu:

“Você joga fora os resultados das eleições presidenciais de 2020 e declara o vencedor por direito, ou você tem uma nova eleição? Uma fraude massiva deste tipo e magnitude permite a extinção de todas as regras, regulamentos e artigos, mesmo os que constam da Constituição”.


“Nossos grandes ‘fundadores’ não queriam, e não tolerariam, eleições falsas e fraudulentas!”.

O comentário de Trump veio após a divulgação de e-mails internos do Twitter mostrando deliberação em 2020 sobre história do New York Post sobre material encontrado no laptop de Hunter Biden.
O bilionário trabalhou no fim de semana. Por meio de arquivos e e-mails internos do Twitter enviados a um jornalista, Elon Musk indicou que a sua plataforma agiu proativamente para censurar uma história envolvendo casos de corrupção do filho de Joe Biden.

INTERNACIONAL

A imprensa internacional disse que, na época, a matéria foi censurada sob argumento de que era uma “propagação de fake news” e violava políticas da rede social.

Publicações foram excluídas ed a conta oficial da porta-voz da Casa Branca foi banida por falar sobre o tema.

Ainda a imprensa internacional:

"Questionado sobre outras possíveis casos de censura ou favorecimentos em eleições ao redor do mundo, Musk citou o Brasil como um dos possíveis locais em que o Twitter pode ter dado preferência a candidatos de esquerda durante as eleições deste ano"

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais